segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Pão doce

Hoje é dia Mundial da Alimentação. A convite da  Zorra do Blog, não podia deixar de participar  no WORLD BREAD DAY 2017.

O pão que publico é simples de fazer, é uma adaptação do pão doce que a minha mãe faz com uma receita que vi na página paleo descomplicado.  É um pão muito rápido de fazer e simples.
  

Ingredientes:

  • 1 ovo
  • 1 c.sopa de açúcar de coco
  • 250 gr de quark
  • 80 gr de polvilho azedo
  • 100 gr de farinha de trigo sarraceno
  • 30 gr de farinha de arroz
  • 50 gr de uvas passas
  • 1 c. café psyllium 
  • 1 c.chá de fermento para bolos
  • óleo q.b


Preparação:
Colocar o ovo, quark  e o açúcar numa taça e envolver. de seguida acrescentar as farinhas, o fermento e por fim as passas. Envolver e fazer bolinhas colocar num tabuleiro untado com óleo, pulverizei com óleo por cima das bolinhas. levar ao forno a 180º +/- 30 min 

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Pêras com mascarpone

Adoro sobremesas com fruta e quando vi a receita do Nigel Slater, adaptei ao meu gosto.
Um doce simples para servir num jantar.

Ingredientes:

  • 6 pêras descascadas, cortadas e sem caroço.
  • 250 ml de água
  • raspas de limão e gotas de limão q.b
  • 1.c sopa de açúcar
Creme de mascarpone
  • 1 embalagem de queijo mascarpone
  • 2 c.sopa de iogurte grego
  • açúcar em pó q.b.
  • Bolachas partidas 
Colocar num tacho a água, açúcar, a raspa e sumo do limão e as pêras. Deixar cozinhar por +/-10 min. Depois de arrefecer as pêras.
Bater o açúcar com o queijo, iogurte e sumo de limão. Colocar na cavidade de cada pêra e colocar bolachas partidas por cima.
 A foto não é a melhor foi tirada com o tablet, mas dá para ter uma ideia.



sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Bolo Medovik

Quando vi este bolo no blog da Anasbageri, decidi que tinha que  o fazer, deitei mãos à obra e cá está só tirei foto a metade do bolo e à fatia. O desafio deste bolo veio do blog da Lia Lemon &Vanilla  desafio  Sweet World. 
O verdadeiro desafio foi experimentar a receita hoje e adaptá-la para ser sem glúten, na próxima uso um tabuleiro maior para a massa ficar mais fina. Ficou um pouco mais alto que o pretendido.

Tomei a liberdade de copiar a receita na integra do blog da Ana








Os ingredientes tal como nos indica a Lia são:
  • 2 1/2 chávenas (cups) de farinha de trigo branca usei. 2 chávenas de farinha doves farm self raising
  • 1 colher sopa de bicarbonato de sódio
  • 225gr manteiga, amolecida
  • 1/4 chávena (cup) de mel líquido e claro
  • 3 ovos grandes (coloquei +1 ovo)
  • 1 1/2 chávenas (cups) de açúcar refinado branco
  • 1 chávena (cup) de nozes
para o recheio:
  • 1 lata de leite condensado cozido (doce de leite)
  • 113g manteiga, amolecida
Preparação:
Cozam a lata de leite condensado ao lume em muita água durante duas horas. Deixem-na arrefecer no frigorífico  antes de a abrir. (Eu comprei uma lata de leite condensado cozida).
No micro-ondas derretam a manteiga com o mel e o açúcar.
Acrescentem a farinha, e os ovos e batam com a batedeira até ter uma massa homogénea. (entre a massa de bolo e de biscoitos).
Aqueçam o forno a 165C.
Espalhem a massa finalmente num (ou mais) tabuleiros de forno forrados com papel  vegetal bem barrados de manteiga ou spray.
Levem ao forno durante uns minutos, retirem assim que fique douradinho. Cortem de acordo com o formato de bolo que querem fazer.
Enquanto as camadas de bolo arrefecem, batam a manteiga com o leite condensado. (vai ficar mesmo liquido, não se assustem).
Na picadora triturem as aparas do bolo e as nozes.
Num prato montem o bolo alternando o bolo e o creme, e cubram também os lados.
Para terminar cubram todo o bolo com a mistura de nozes e bolo. Reservem no frio até servir.

domingo, 16 de outubro de 2016

Pão rápido para World bread day 2016

Para celebrar o world bread day  a convite da Zorra resolvi fazer esta receita. É muito simples e é receita que faço sempre, para os dias em que o pão acabou mais rápido do que era suposto ou simplesmente porque apetece. 

Ingredientes
  • 375 ml de leite
  • 1 ovo
  • 1 pitada de sal 
  • 1 chávena de farinha sem gluten (usei doves farm self raising)
  • 1/2 chávena de farinha de teff
  • 1/2 chávena de farinha de trigo serraceno
  • 1 c.sopa de óleo de amendoim
  • 1 c.chá de fermento para bolos




Colocar todos os ingredientes +por esta ordem numa taça e mexer até ficar envolvido, a mistura tem que ser espessa.
Colocar no lume uma frigideira (a minha tem 14cm ) untei-a ligeiramente com óleo coloquei uma porção de massa e deixei cozer em lume brando tapada com um testo, após 2 a 3  minutos virei e deixei cozinhar 2 min. Retirar do lume e abrir ao meio.  Eu gosto com manteiga ou com compota e queijo. 





domingo, 9 de outubro de 2016

Rissóis massa

Nunca tinha feito rissóis, a mãe a tia é que me faziam, agora como são sem glúten decidi colocar as mão na massa fiquei fã. A massa não foi tão fácil de moldar. Mas o resultado, a textura o sabor e o facto de os fazer no forno. Valeu a pena o trabalho.

Ingredientes:
  • 2 chávenas de farinha mandioca crua
  • 2 chávena de leite
  • 1 c. sobremesa de manteiga
  • um pouco de óleo.
  • sal   q.b.
  • 1 c.café de goma xantana
  •  
Leve ao lume o leite, quando ferver adicione a manteiga, farinha, goma xantana e o sal. Mexa Retire do lume. Amasse, para ser mais fácil de trabalhar dividi a massa em 2 partes e acrescentei um pouco de óleo de coco (pode-se ser outo qualquer)  para ser mais fácil de amassar,  até obter uma massa homogénea.
Esticar a massa cortar e rechear a gosto.
Coloquei num tabuleiro pulverizei os rissóis com óleo de amendoim  e levei ao forno 180º +/- 15min


Receita adaptada do livro "Receitas para viver melhor lidando com o glúten" editora Impala

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Sopa de beldroegas

A receita de sopa de beldroegas que mostro hoje não é típica Alentejana, mas sim um adaptação minha aos gostos cá de casa, onde a sopa faz parte do menu diário. Adoro beldroegas e quando aparencem  no meu jardim faço logo uma receita. Hoje foi uma sopa com tempo coloco outras receitas.

Ingredientes
  • Um molho (era pequeno) beldroegas
  • 1 cebola
  • 2 cenouras
  • 1/2 couve-flor pequena
  • 1 fio de azeite
  • Sal qb
  • Água q.b.

Colocar todos os ingredientes na bimby juntamente com o azeite e deixar saltear 5min, vel1 temp 100°.
De seguida acrescentar água e cozinhar 25 min, vel1, temp100°. No final retificar oa temperos e passar até ter a consistencia desejada (cá a unicaa forma dos miudos comerem sopa é passada).

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Papas de aveia com ameixas

Adoro receitas, cozinhar e acima de tudo experimentar. Tinha na fruteira ameixas amarelas. Eu adoro papas de aveia,  e queria experimentar uma versão sem açúcar, resolvi então experimentar a junção dos dois. Um pequeno-almoço reconfortante sem açúcar ou lacticínios.

Ingredientes:
  • 5 ameixas amrelas sem caroço
  • 1/2 chav de aveia
  • água q.b
  • passas q.b
  • pevides abóbora q.b
  • e açúcar de coco
Colocar num tacho as ameixas e as passas com um pouco de água, deixar cozinhar por 5 min.
De seguida acrescentar a aveia e  (água se necessário), deixar cozinhar até as papas ficarem com a consistência pretendida.
Colocar numa taça, acrescentar as pevides e o açúcar de coco.






sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Sorvete de meloa

Cá em casa adoramos gelados e sorvete, por norma a sobremesa nesta altura é sorvete de fruta. Esta receita é tão simples.
Comprei uma meloa que não era nada doce, para aproveitar congelei-a em pequenos pedaços.  Na hora de de utilizar colocar na maquina de sorvete ou na bimby, usei a de sorvete, porque permite usar menos quantidade . Coloquei por cima um pouco de chocolate derretido. É uma forma excelente de convencer os mais novos a provar frutas diferentes.

Devo dizer que se a meloa fosse doce o topping de chocolate não era necessário.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

bolo de fécula

já tinha ouvido falar deste bolo colchão de noiva, até que um dia uma amiga me ofereceu e eu achei delicioso. Pesquisei a receita  e copiei do blog de querida Ameixinha, todos cá em casa adoraram.
É rápido e utiliza ingredientes acessíveis, uma vez que estamos a falar de um bolo sem glúten. Passou a ser o bolo de aniversário só muda o recheio.

 Ingredientes:
  • 6 ovos tamanho L
  • 180 gr de açúcar
  • 150 gr de fécula de batata
  • 1 c. chá de fermento
  • açúcar em pó para polvilhar.
Preparação:
Bater os ovos com o açúcar até dobrar o volume (5 min).
De seguida acrescentar ao fermento e a farinha e misturar bem.
colocar numa forma bem untada com manteiga.
Levar ao forno pré-aquecido 180º  +/-35min 

Esta foto o bolo ainda não açúcar em pó, mas não consegui tirar, desapareceu num instante

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Mousse de chocolate

Esta mousse é deliciosa sem glúten ou lactose.

Ingredientes:
  • 2 abacates maduros.
  • umas gotas e raspa de limão
  • açúcar de coco a gosto
  • 2 c. sopa de cacau em pó

Misturar processador/liquidificador os abacates, o sumo, raspa e açúcar. Misturar na velocidade máxima por 1 min (ou até estar bem envolvido) deitar o chocolate e envolver.
Deitar em tacinhas e servir.
Por cima coloquei chantilly de soja.

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Pudim de chocolate

Hoje é dia de S.Valetim e como sobremesa preparei este pudim. Cá em casa tudo que leva chocolate é bom.

Ingredientes:

  • 4 c.sopa manteiga
  • 6 c.sopa de açucar
  • 1 chav. de mirtilos
  • 1 maçã cortada aos pedaços
  • 2 ovos
  • 4 c.sopa de quark
  • 3 c.sopa  de chocolate em pó


  • 80 gr de farinha com fermento (usei self raising)


Untar a forma com manteiga e de seguida com açucar. Colocar no fundo da forma os mirtilos e a maçã.
Colocar numa taça deitar o açúcar, os ovos e o quark bater até estar bem incorporado. Peneirar a farinha e o chocolate e incorporar ao preparado anterior.
Colocar a mistura por cima da fruta. Tapar a forma com papel vegetal prender com fio e cozinhe a vapor durante 1hora. (Usei a máquina de vapor).

Molho:

  • 200 gr de chocolate
  • 1 c. Café de essencia de baunilha
  • 1lata de leite evaporado

Deitar os ingredientes numa taça e levar ao lume em banho maria até engrossar.

Depois de cozido o pudim sirva com o molho.

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Dia Mundial do Pão - World Bread Day

 World Bread Day 2015 (October 16)
Hoje é dia mundial do pão, um ingrediente fundamental na nossa casa e para celebrar fiz este pão. É uma delicia, assim que comprei a revista da bimby (outubro 2015) experimentei logo, é claro que fiz algumas alterações.

Pão rústico

Ingredientes:
  • 350 gr de água
  • 1 cubo 25gr de fermento fresco
  • 1 c.chá de açúcar
  • 50 gr de azeite
  • 250 gr de farinha branca sem glúten schär
  • 50 gr de farinha de mandioca (usei polvilho doce)
  • 1 c.chá de sal
  • 100 gr de trigo sarraceno
Coloquei na cuba da máquina do pão por esta ordem e  usei o programa 1.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Crostini com pesto

 Há dias quentes que não apetece cozinhar, num desses dias saiu estes crostini cheio de sabor e muito rápido de fazer.

Ingredientes:
  • Pão caseiro fatiado (usei sem glúten)
  • Pesto (caseiro)
  • Tomate cherry q.b
  • Queijo feta cortado ao bocadinhos
  • Tomilho seco
  • Presunto q.b fatiado

Preparação:
colocar o pão no tabuleiro de forno, colocar o pesto por cima. De seguida colocar uma camada de  presunto, outra de queijo feta e a última tomate cherry partido ao meio. por cima deitei o tomilho e levei ao forno até ficar dourado.









domingo, 16 de agosto de 2015

Pão de forma caseiro

Um pão simples feito na máquina de pão. Este pão é para uma máquina que vá 1250kg/1500kg, caso contrário corre o risco de vir por fora.

Ingredientes: 
  • 320gr de água
  • 15 gr de fermento fresco
  • 300gr de farinha beiker
  • 100 gr de farinha de arroz
  • 30 gr de azeite
  • 3 gr de sal

colocar na cuba o fermento e a água, deixar atuar por alguns minutos. De seguida acrescentar todos os ingredientes excepto o sal.
Colocar na máquina programa 1 (pão branco)
Após 2 min do inicio do programa1 acrescentar o sal.

E aqui está o resultado delicioso, mas não consegui fotografar o interior. Este pão aguenta bem dois dias molinho.


sexta-feira, 31 de julho de 2015

Massa quebrada sem glúten

Quando queremos fazer  tartes e quiches sem  glúten, nem sempre é fácil. Mas este livro que tem receitas deliciosas deu-me a resposta.
Esta massa quebrada é realmente uma delicia e serve de base a muitas das minha receitas. Agrada a todos.

Ingredientes:
  • 115gr de farinha de arroz
  • 55 gr de fécula de batata
  • 85 gr de farinha de milho
  • 1 c.chá de goma xantana
  • 140 gr de manteiga cortada aos pedacinhos
  • 1 ovo
  • 2 c.sopa de água fria
Coloco todos os ingredientes na bimby. Misturo à vel 8 +/- 40 seg. 
Depois coloco a massa no frigorífico por 30min envolvida em película transparente ou até 3 dias.
No momento que necessito retiro a massa e estendo se necessário coloco um pouco de farinha de milho para estender melhor.

Fonte:"Na cozinha sem alergias" de Alice Sherwood